Pular para o conteúdo principal
Publicado em 17, Sep 2021 por economia_obser…
Pessoa em pé com uniforme em ambiente industrial
Publicações

Atividade econômica catarinense se expande pelo quarto mês consecutivo

O Índice de Atividade Econômica (IBC) de Santa Catarina registrou no mês de julho a quarta expansão consecutiva, com variação de 0,83% em comparação com junho, nos dados dessazonalizados. Com resultado acima do esperado pelo mercado, a atividade econômica no país também cresceu, com variação de 0,60%, representando a segunda expansão consecutiva.

Variação percentual do índice de atividade econômica de julho para Santa Catarina e Brasil

Monitorado pelo Banco Central, o Índice de Atividade Econômica (IBC) é responsável por mensurar a evolução da atividade econômica no país, incorporando variáveis consideradas proxies do desempenho nos setores da economia e visto como uma prévia do PIB.

Variação do índice de atividade econômica em relação ao mês imediatamente anterior, Brasil e Santa Catarina


Comércio é o principal destaque na atividade econômica catarinense no mês de julho

O Comércio registrou expansão de 12,5% no mês de julho, ante junho, em Santa Catarina, puxado sobretudo pelo aumento das vendas de outros artigos de uso pessoal e doméstico, atividade que compreende a venda de artigos para habitação de uso doméstico. No Brasil, a expansão do setor foi da ordem de 1,2%.

Apesar do avanço no acumulado do ano, o setor industrial de Máquinas e equipamentos sofreu recuo em julho ante junho. Já os Serviços sofreram retração em Serviços de informação e comunicação. Desequilíbrios entre oferta e demanda, continuam sendo grandes desafios para ambos os setores.

Variação julho frente a junho dos principais índices setoriais e IBC em Santa Catarina e Brasil

Na análise interanual, o desempenho do mês de julho fez Santa Catarina passar para a segunda colocação no ranking dentre as unidades federativas. 
Com o avanço da vacinação no país e a reabertura quase que total da economia, o setor de Comércio assume a frente da expansão na atividade econômica no Brasil e em Santa Catarina, num cenário de recuperação cíclica. 

O cenário atual ainda se mostra desafiador, dado o nível de inflação, crise hídrica e gargalos logísticos, que vem afetando os demais setores da economia, sobretudo a Agropecuária e a Indústria. Porém, as perspectivas a curto prazo são positivas, dada as atividades orientadas para o lazer e o turismo. Elevações na demanda para o setor de Serviços e Comércio, orientarão a expansão da Indústria catarinense.
 

Para maiores informações, acesse o boletim abaixo:

Tags Publicações